Quais medicações podemos fazer no manejo da insônia do idoso?

No tratamento farmacológico da insônia primária crônica, em Geriatria, podemos fazer algumas medicações com perfil de segurança melhor, segue abaixo a tabela para referência do uso destas medicações:

Tabela1-Tratamento farmacológico da insônia.

Lembrando que começamos sempre pelo tratamento não farmacológico dos quadros de insônia. Faz parte ainda a realização de um diário do sono que seria o registro do sono ao longo de um período, bem como da hora que se deita, quanto tempo passa na cama para dormir entre outros dados analisados.
A partir do momento que se decide usar alguma medicação no apoio ao sono teremos como as mais recomendadas as medicações descritas abaixo:

1-Ramelteona

Nome comercial: Rozerem.

•Agonista do receptor de melatonina

Apresentação: comprimidos 8 mg.

Receiturário de 2 vias.

Como prescrever:
“01 comp VO 30 minutos antes de deitar”.

Não é recomendado o uso: Em hepatopatas graves; em pacientes com apneia do sono. •Evitar dirigir após o uso.

2-Melatonina

Nome comercial:   Melatonina

•Indutor do sono agindo em receptores da melatonina.

Apresentação: Comprimidos 2 mg-liberação prolongada/ pode ser formulada.

Receituário comum ou de livre acesso.

Como prescrever:
“01 comp VO 1-2h antes de deitar e depois de comer”

Não há advertências maiores, excetuando-se alergia direta ao medicamento. •Existem várias formulações no mercado.

3-Doxepina

Nome comercial: não há para as doses preconizadas; mandar formular a medicação, pode ser iniciada como primeira opção.

•Antidepressivo tricíclico.

Apresentação: Comprimidos formulados de 1mg;2mg;3mg.

Receituário branco duplo.

Como prescrever:
“01 comp VO  antes de deitar”.

É prudente, mesmo em tão baixas doses, recomendar não usar concomitantes com IMAO, evitar dirigir imediatamente após o uso, evitar associação com álcool.

4-Zolpidem

Nome comercial: Stilnox; Isonox e Patz .

•Hipnótico não benzodiazepínico.

Apresentação:Comprimidos  revestidos 10mg; 6,25 e 12,5mg liberação prolongada; orodisperível 5 mg; SL  5mg.

•Receituário branco duplo até 10mg se > 10 mg receitado passa para azul.

Como prescrever:
“01 comp VO(ou SL)  30 minutos antes da hora habitual que se deita”

Advertências: risco de queda, sonolência e sonambulismo.

5-Mirtazapina

Nome comercial: Razapina, Remeron e Menelat.

•Antidepressivo inibidor da receptação da setoronina e noradrenalina;anti receptor central alfa 2 e anti H1.

Apresentação:Comprimidos 15 mg, 30mg e 45 mg/ revestidos de 35mg  e 45 mg; pode formular a dose de 7,5 mg.

Receiturário de 2 vias.

Como prescrever:
“01 comp VO 30 minutos antes de deitar”

•Na insônia as doses 7,5-15 mg são mais utilizadas.

Efeitos adversos: Ganho de peso, sonolência.

•Cuidado com pacientes que apresentem ideação suicida, não usar concomitante ao IMAO.

6.Seroquel

Nome comercial: Seroquel, Quetros, Quetipin.

•Antipsicótico atípico.

Apresentação •Comprimidos  revestidos 25mg, 50, 100mg; Revestido e de Liberação prolongada 50mg. •Receituário branco duplo.

Como prescrever:
“01 comp VO(ou SL na formulação específica)  60 minutos antes da hora habitual que se deitar”. •Advertências: Não usar como terapia de primeira ou de segunda escolha para insônia , risco de queda  e sonolência aumentado. Aumenta risco de AVC

•Se usar, dar preferências aos casos que tenham insônia e distúrbio psiquiátrico de base(esquizofrenia, bipolaridade,…), pode usar as formulações simples ou de liberação prolongada. 

7-Clonazepam

Nome comercial: Rivotril, clonazepam.

•Benzodiazepínico

Apresentação •Comprimidos 0,5mg e 2 mg; SL 0,25mg; gotas 2,5mg/ml ou 0,1 mg/gota.

•Receituário azul.

Como prescrever:
“01 comp VO  30 minutos antes da hora habitual que se deitar”

Advertências: Não usar como terapia primeira escolha para insônia ,risco de queda e aumento da mortalidade.

•Não usar, mas se usar o fazê-lo nos pacientes com insônia associada a ansiedade ou depressão. 

8-Lorazepam

Nome comercial: Lorax, Ansirax.

•Benzodiazepínico

Apresentação •Comprimidos 1 e 2 mg.

•Receituário azul.

Como prescrever:
“01 comp VO  30 minutos antes da hora habitual que se deitar”

Advertências : Não usar como terapia primeira escolha para insônia,  risco de queda e aumento da mortalidade.

•Formulações prolongadas não devem passar de 6mg dose dia. 

•Não deve ser partido, aberto ou mastigado.

Referências

Pod cast Envelhecercomsaude – insônia no idoso https://open.spotify.com/show/0TfAdK1lDWsouvkCiDFpoZ

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Siga nosso Instagram

Mais Recentes

Mais Visitados ​

Mais Comentados

Contact Us